• Ampla gama de drogas pesquisadas– o RIAH atualmente detecta 12 drogas, entre elas:
    • Maconha e derivados (skunk, haxixe…)
    • Cocaína e derivados (crack, merla…)
    • Anfetaminas (diferenciamos o consumo terapêutico do abusivo)
    • Metanfetaminas (speed, ice, meth…)
    • Ecstasy (MDMA)
    • Ecstasy (MDA)
    • Ecstasy (MDE)
    • Heroína,
    • Morfina,
    • Codeína,
    • Oxicodine,
    • Anfepramona ( exclusivo para DENATRAN e Ministério do Trabalho )
    • Femproporex ( exclusivo para DENATRAN e Ministério do Trabalho )
    • Mazindol ( exclusivo para DENATRAN e Ministério do Trabalho )

Novas substâncias são adicionadas à lista sem custos extras com o objetivo de mantermos o RIAH atualizado.

Amostras de cabelo detectam uso de drogas nos últimos 90 dias

  • Avaliação da quantidade da droga consumida – nossos laudos toxicológicos positivos apresentam uma avaliação estatística que leva em conta vários fatores com o objetivo de classificar o padrão de consumo, de levíssimo a pesadíssimo. É importante entender que trata-se de uma avaliação estatística que não deve ser levada em consideração isoladamente.
  • Perfeita cadeia de custódia e laudos com validade jurídica – O kit de coleta para o exame  toxicológico RIAH apresenta uma série de lacres e documentos de apoio especialmente desenvolvidos apara atender a legislação brasileira; Além disso todos os passos de cada um dos exames RIAH que processamos são registrados, assinados e microfilmados e armazenados por 10 anos, possibilitando um levantamento a qualquer momento de qualquer exame. Nossos laudos, quando realizados dentro dos padrões de cadeia de custódia, são emitidos com validade jurídica, o que é importante em certas aplicações, como por exemplo em processos admissionais ou nas aplicações previstas na Lei 13.013 – a “Lei dos Caminhoneiros”
  • Coletas simples e sem constrangimentos – cabelos ou pêlos podem ser colhidos facilmente, fora de um ambiente laboratorial. Além disso podem ser testemunhadas – para exames com cadeia de custódia – sem constrangimento.

img4

  • Facilidades logísticas – a queratina não é perecível ou contaminante como a urina ou o sangue; Na prática isso é muito vantajoso uma vez que amostras de cabelos podem ser armazenadas sem refrigeração e despachadas por correios ou Sedex sem problemas ou riscos; Ideal para empresas que possuem várias unidades geograficamente espalhadas.
  • Possibilidade de confirmações a qualquer tempo – uma das características únicas dos exames toxicológicos baseados em amostras de cabelo é que eles podem ser facilmente estocados para confirmações posteriores em casos de contestação dos resultados. Os exames RIAH tem parte das amostras armazenados por 5 anos.
  • Laudos a prova de falsificação – nossos laudos são impressos em papel de segurança da Casa da Moeda, com selos holográficos e com assinatura eletrônica para autenticação via internet.

 

CategoryUncategorized
Write a comment:

*

Your email address will not be published.

Telefone         (55)3352-4009